Resumo musical

Wu-Tang Clan lança disco novo hoje!

O grupo de rap Wu-Tang Clan lança nesta segunda-feira o álbum A Better Tomorrow. A banda já havia divulgado as inéditas “Ron O’Neal”, “Keep Watch”, “Ruckus in B Minor” e “Necklace”, que irão compor o novo trabalho, e na última semana a faixa-título também vazou na web. Com uma bela levada jazzística de piano, “A Better Tomorrow” mostra o lado mais soul do Wu-Tang Clan.

O Interpol e uma inédita lado b

O Intermpol do vocalista Paul Banks, atração confirmada do nosso Lollapalooza, lançou na última semana o single “Everything Is Wrong”, cuja capa é assinada pelo artista Shepard Fairey. O lado b do single é a inédita “What Is What”, que pode ser baixada no site do Interpol – digite “Everything Is Wrong” que automaticamente você terá acesso ao download das canções.

Um filminho sobre os Libertines

O diretor Roger Sargent assina mais um documentário sobre o grupo britânico The Libertines, uma das sensações inglesas dos anos 2000, que desde a sua separação vive o impasse “volta ou não volta”. Na última semana, Sargent divulgou outro minidocumentário sobre a banda, com diversas imagens de bastidores e vídeos raros que estavam guardados nos arquivos do cineasta. Recentemente, em entrevista à NME, Carl Barât afirmou que possui cinco canções novas escritas em parceria com o correligionário Pete Doherty e há rumores de um possível show do grupo no Glastonbury 2015. Será?

Bastille vs Haim?

As meninas do Haim e os brothers do Bastille divulgaram na última semana a parceria entre as bandas na faixa “Bite Down”. Os dizeres do cartaz de divulgação do single alertam para o confronto musical “Bastille vs Haim”, e a canção irá compor a mixtape de nome esquisito VS (Other People’s Heartache Pt. III), prevista para chegar às lojas em 10 de dezembro. O Bastille é uma das bandas que vêm ao Brasil no Lollapalooza 2015.

Cat Power, antes de passar por São Paulo, tocou uma inédita em Istambul  

A dobradinha Cat Power ocorrida em Sampa, no último final de semana, durante o Popload Festival 2014, deu o que falar. Ela fez uma apresentação surpresa na estação de metrô Paraíso, se desentendeu com parte da plateia no primeiro show (muito punk rock!) e exibiu a barriguinha de futura mamãe (ela está grávida!). Mas antes de pisar em solo brasileiro, entretanto, a queridíssima Chan tocou uma faixa inédita durante um show na Turquia. O nome da canção ainda é um mistério, mas como infelizmente este que vos escreve não foi aos shows dela em Sampa, resta saber se a tal faixa rolou por aqui. Alguém aí que foi, por favor, nos informe (hehe). Para conferir a música inédita, via Pitchfork, clique aqui.

Resumo musical

Ryan Adams está de volta

Após produzir trabalhos de outros artistas, tocar em um projeto de heavy metal (sério!), entre outras andanças por aí, o músico Ryan Adams vai lançar disco novo. O novo trabalho se chama Ryan Adams e será o décimo quarto trabalho do artista. Na última semana, durante um show em Portland, Adams tocou a inédita “Stay With Me”, que irá integrar o novo trabalho.

 

O Jack White toca Jay Z

A turnê atual do criativo Jack White, que divulga o último álbum do músico, Lazaretto, tem dado o que falar. Além de mostrar o belo repertório do disco, Jack tem inserido no set list canções dos tempos de White Stripes, como o hino “Seven Nation Army” e também algumas versões inusitadas, como “Royals”, da cantora Lorde. Mas, das últimas surpresas, destaco a releitura do hit do rapper Jay Z, “99 Problems”, que após um solo matador guitarra emenda “Icky Thump”, do White Stripes. Genial.

 

Cajsa Siik, anote esse nome!

A Suécia é terra fértil em revelar bons artistas. Musicalmente sou suspeito, amo artistas como Hellacopters e Hives. Na última semana o site da ótima revista Clash destacou a cantora sueca Cajsa Siik, uma grata surpresa indie-pop. Segundo o texto publicado, Siik seria uma boa mescla de Kate Bush e Bat For Lashes – o que de fato faz sentido. No dia 1º de setembro, a artista lança o single “Relentless Delight”, que está disponível para audição na plataforma Soundcloud.

 

 

Vedder e o dueto (lindo) com a Chan…

Em sua atual turnê solo, o líder do Pearl Jam Eddie Vedder tem feito shows intimistas e com belas versões para clássicos comoThe Needle and the Damage Done” (Neil Young) e “Imagine” (canção que ficou famosa na voz de John Lennon). Entretanto, mais legal que as covers foi a aparição da incrível Cat Power (Chan Marshall), na última semana, durante um show do roqueiro no Super Bock Super Rock, em Portugal. Dividindo os vocais e uma garrafa de vinho, Vedder tocou com Chan (e pra ficar mais cool ela usava uma camiseta do Wu-Tang Clan!) a faixa “Tonight You Belong to Me”, do álbum solo do músico, Ukulele Songs. Ao chamar Cat Power, Vedder disse assim: “one of my favorite singers of all time, without a doubt”. Sem mais.

 

Bastille divulga novo vídeo

Com direito a participação especial da atriz Sophie Turner, a personagem Sansa Stark da bombada série Game Of Thrones, a banda britânica Bastille lançou o vídeo da faixa “Oblivion”. A canção faz parte do elogiado Bad Blood, disco de estreia do grupo, e que ao renovar o indie rock atual, fez a banda ganhar respeito no cenário musical. Permita-me fazer uma singela observação: a gente lê por aí que o Bastille é uma banda de synthpop, mas particularmente prefiro classificá-lo na praia indie (e às vezes pop, hehe).

Resumo musical

O vídeo novo do Vaccines, para uma canção de 2012

Saiu em 2013, o vídeo da canção “I Wish I Was A Girl”, do álbum Come Of Age, lançado pelo grupo Vaccines em 2012. A faixa é uma das minhas favoritas do segundo disco dos caras, que, na minha opinião, não é tão bom quanto o primeiro. Enfim, o fato é que a banda ainda não pensa em seu terceiro disco, segundo o vocalista Justin Young. Neste ano o Vaccines divulgou o EP Melody Calling, mais pop e melódico, o que deve apontar mudanças no próximo trabalho do grupo. A seguir você confere o vídeo novo dos caras.

 

Chvrches vai à BBC e grava cover de boy band

A gente aqui do Cultura no Prato adora quando a BBC Radio One propõe que seus convidados façam covers inusitadas. Na última semana foi a vez do Chvrches, trio escocês que a gente também idolatra. A banda decidiu resgatar o hit pop da boy band East 17 (sério!), “Stay Another Day”. Acredite, ficou bem bom.

 

Cat Power canta Sinatra em comercial da Apple

No cenário musical, sempre surgem canções natalinas e versões gravadas especialmente para esta época do ano. Nesta semana muitas apareceram na web, entre elas, a releitura feita pela Cat Power para “Have Yourself a Merry Little Christmas”, música famosa nas vozes de Frank Sinatra e Judy Garland. A regravação é tema musical do novo comercial da Apple, cuja “edição estendida” você confere a seguir.

 

Charlotte Gainsbourg sussurra “Hey Joe” para o filme do Lars Von Trier

Um dos lançamentos mais aguardados no cinema, para o início de 2014, o filme Nymphomaniac, do gênio-polêmico Lars Von Trier, terá também uma bela trilha sonora. Na última semana, a versão gravada pela cantora Charlotte Gainsbourg – filha do gênio Serge Gainsbourg – para “Hey Joe”, hino do incrível Jimi Hendrix, foi confirmada e divulgada como parte do repertório. A produção é assinada pelo músico Beck, e a releitura ganhou sussurros e um clima indie-sombrio bem interessante. O filme será lançado em duas partes, uma prevista para 21 de março e a outra para 18 de abril – nos Estados Unidos. O pessoal do Guardian já assistiu ao filme e cravou quatro estrelas para o trabalho do Lars Von Trier. Já pensou?

 

Dead Weather divulga faixa nova e anuncia lançamentos

O Jack White voltou a ensaiar com seus correligionários de Dead Weather. Para 2015, o grupo prometeu o lançamento de alguns singles e, posteriormente, um novo álbum de inéditas. Nesta semana a banda divulgou uma das faixas que irão compor esse novo material, “Open Up (That’s Enough)”. Achei a canção bem boa, é o sempre criativo Jack White voltando aos trabalhos.

Obs: O Cultura no Prato vai tirar (merecidas) férias entre os dias 20 de dezembro e 6 de janeiro. Sendo assim, na primeira semana de janeira estaremos de volta, com novidades que estamos preparando para vocês. Um forte abraço e boas festas!

Resumo musical

O centenário de Muddy Waters

A lenda do blues Muddy Waters completaria cem anos no último dia 4 de abril. A data não poderia passar despercebida aqui no Cultura no Prato. Se o jovem Brian Jones decidiu batizar o nome de sua nova banda – à época o embrião que originou os Rolling Stones – inspirado em uma canção do bluesman, é por conta de sua importância ímpar. Nos anos 40, Muddy Waters se mudou para Chicago, onde acompanhou e participou diretamente da evolução do blues, da fase acústica à eletrônica. Não à toa nomes como Rolling Stones, Jimi Hendrix e Eric Clapton levaram as lições dele ao rock. Se hoje temos artistas como Gary Clark Jr., é porque um dia Muddy Waters escreveu a cartilha de “como fazer blues com o coração”.

 

QOTSA mostra “My God is the Sun” versão de estúdio

Após tocarem em primeira mão a faixa “My God is The Sun” no Lollapalooza Brasil, o Queens of The Stone Age divulgou nesta semana a versão de estúdio da canção. O single irá integrar o próximo disco do grupo, Like Clockwork, que chega às lojas em 3 de junho. A banda anunciou também as faixas que irão compor o novo trabalho, clique aqui e confira.

 

CSS divulga faixa inédita

O CSS (Cansei de Ser Sexy), a banda brasileira mais internacional do país – ao lado do Sepultura, claro –, divulgou nesta semana a canção “Hangover”, faixa que irá compor o próximo disco da banda, Planta, previsto para chegar às lojas em 11 de junho (nos EUA). O trabalho será o primeiro desde a saída de Adriano, que hoje integra o duo Madrid. Com uma sonoridade mais “world music”, a nova canção remete (um pouco) a Joe Strummer and The Mescaleros e MIA, o que não deixa de ser legal (hehe).

 

Antes de chegar a Sampa, Cat Power toca canção inédita no Jools Holland

A cantora Cat Power se apresentou no programa do Jools Holland desta semana. Durante o show, a musa indie mostrou a canção inédita “Bully”. A faixa traz uma sonoridade mais próxima de trabalhos como The Greatest, sem a presença dos recursos eletrônicos de seu último disco, Sun. Cat Power vem a São Paulo em maio para tocar no Cine Joia, segundo a organização no evento, os ingressos devem esgotar em poucos dias.

 

Um chá com o gênio Morrissey

Ontem a BBC exibiu outro trecho do documentário “Nice Cup of Tea”, investigação feita pela comediante britânica Victoria Wood sobre a bebida mais apreciada pelos ingleses. A surpresa do último episódio do programa foi a presença do gênio Morrissey, recentemente afastado dos palcos por problemas de saúde. Simpático, o músico recebeu Victoria Wood para o tradicional chá da tarde e falou sobre sua admiração pela bebida. “Um dia eu decidi tentar ter um dia completo sem chá. Fiquei bastante perturbado”, disse Morrissey. A aparição do lendário vocalista dos Smiths coincide justamente com o relançamento do álbum Kill Uncle (1993), que ocorre oficialmente nesta sexta-feira. O disco, aliás, é item obrigatório em qualquer discografia séria de rock.

Cat Power: de Manhattan a São Paulo

A cantora Cat Power vem a São Paulo em maio (Foto: Divulgação).
A cantora Cat Power vem a São Paulo em maio (Foto: Divulgação).

 

O vídeo da canção “Manhattan”, lançado na última semana, mostra Cat Power caminhando pelas ruas da cidade nova-iorquina que dá nome à música. O clipe, de atmosfera underground, foi codirigido por Greg Hunt e a própria Chan Marshall (a Cat). 

A faixa integra o último disco da cantora, Sun, trabalho que trouxe elementos eletrônicos ao folk-blues-punk presente na discografia da moça. A Cat Power, aliás, vai se apresentar no Cine Joia, em São Paulo, no dia 21 de maio. De Manhattan a Sampa, começamos com a semana ao som da competente Chan.

 

Serviço:

Cat Power

Cine Joia.

Data: 21 de maio, às 22h.

Praça Carlos Gomes, 82, Liberdade – São Paulo.

Ingressos: R$ 180,00 (inteira)/R$ 90,00 (meia-entrada).

Venda: http://showcard.com.br ou na bilheteria do Cine Joia (de segunda-feira a sexta-feira, das 10h às 18h).

Resumo musical

A canção folk de Noel Gallagher

Outra faixa inédita do ex-Oasis Noel Gallagher vazou na web nesta semana. A canção “She Must Be One Of Us”, de sonoridade folk, acompanha a demo “Oh Lord”, divulgada há poucos dias. Ao que tudo indica, ambas foram gravadas em 2010. Atualmente, Noel é o curador do festival beneficente Concerts For Teenage Cancer Trust, evento que irá ocorrer entre 19 e 24 de março, no Royal Albert Hall, em Londres, e vai reunir nomes como Roger Daltrey (The Who), Kasabian, Primal Scream e Ryan Adams.   

 

Animal Collective e o vídeo sobre como degustar uma fruta

O grupo indie Animal Collective lançou nesta semana o clipe da canção “Applesauce”, dirigido por Gaspar Noé. A faixa integra o décimo álbum da banda, Centipede Hz, que marca o retorno da formação original do Animal Collective e traz uma sonoridade mais experimental. Em meio a fortes luzes (vermelhas, azuis, verdes e amarelas), a modelo Lindsey Wixson se lambuza degustando uma misteriosa fruta. Quer viajar? Assista ao vídeo com as luzes apagadas (hehe).

 

Cat + Angel = remix do ano!

O DJ Ryan Hemsworth foi buscar dois ingredientes mais que especiais para elaborar o remix do ano (pelo menos até agora). Hemsworth conseguiu mesclar o peso da rapper Angel Haze, importante nome do hip-hop atual norte-americano, ao blues-soul-folk-eletrônico da Cat Power. Pode parecer estranho, mas o resultado é bem interessante. Acho que as meninas deveriam fazer um dueto, já pensou?

 

Enjoy the news: Depeche Mode divulga canção nova

O Depeche Mode prepara seu retorno triunfal (e celeste) com o lançamento da canção “Heaven”, primeiro single do álbum Delta Machine. O 13º álbum da lendária banda inglesa chega às lojas em 25 de março. Em entrevista à KROQ, o vocalista Dave Gahan afirmou que o novo trabalho traz referências de outros trabalhos do grupo, como Violator (1990) e Songs of Faith and Devotion (1993), fato que a gente confirma ao escutar “Heaven”. Com a possibilidade de uma turnê mundial de divulgação do álbum Delta Machine, o Brasil automaticamente deve entrar na rota de shows. Vamos torcer.

 

Yo La Tengo lança vídeo com participação de Mac McCaughan (Superchunk)

O incrível Yo La Tengo divulgou nesta semana o vídeo da canção “I’ll Be Around”, que traz a participação especial de Mac McCaughan (Superchunk). O clipe, dirigido por Phil Morrison, tem uma fotografia bem legal, que acompanha o violão de ritmo cadenciado. Segundo a Pitchfork, os dois primeiros álbuns do Dump, projeto solo do baixista do Yo La Tengo James McNew, serão relançados em edições remasterizadas. Legal, hein?

Resumo musical da semana

Cat Power agora é loira… E eletrônica

Tudo bem, tudo bem… Já falamos aqui no blog que a Cat Power flertou com a música eletrônica e compôs o ótimo disco Sun. Maaaas, a novidade agora é o cabelo da moça – e o vídeo novo, claro. O teaser que deixou os fás curiosos, divulgado na última semana, era um trecho do clipe da canção “Cherokee”, que teve sua estreia oficial na última segunda-feira (17). Apesar de bizarro, o vídeo mostra como ficou o visual da bela  Chan Marshall. Shows no Brasil? Estamos no aguardo.

 

O baú de raridades dos Pistols está aberto!

Acabou a surpresa. Parece que todas as preciosidades que irão compor o aguardado new-super-deluxe-box (hehe) do eterno Never Mind The Bollocks, Here’s The Sex Pistols estão vazando na web. Se na última semana a inédita “Belsen Was a Gas” foi divulgada, agora foi a vez do vídeo da canção “Holidays In The Sun”, de 1977, produzido e dirigido por Julien Temple, cair nas graças dos internautas de plantão. As imagens mostram Johnny Rotten e sua turma ‘causando’ em Berlim.

 

Relembrando o astro glam Marc Bolan

Ele usava maquiagem, uma Gibson Les Paul maravilhosa e tinha fãs do porte de David Bowie, Iggy Pop e Billy Idol. Se alguém aí disse Marc Bolan, líder do T-Rex, acertou. No último dia 16 de setembro, a morte desse ícone do glam rock completou 35 anos. Como cultura e bom gosto musical (olha que modesto…) são nossos pontos fortes por aqui, segue uma das incríveis composições de Marc Bolan.

 

Sobre cigarros e Kills

É num visual meio ‘canalhão’, que o guitarrista Jamie Hince, do incrível duo Kills, aparece no recém-lançado vídeo da canção “Wild Charms”. Divulgado nesta semana, o clipe da música que integra o álbum Blood Pressures também faz referências (ou não) a um filme dirigido pelo cineasta Jim Jarmusch. Correto? O único problema é que a canção – que por sinal é ótima – dura pouco.

 

O eterno e influente Hendrix

Impossível não homenagear Jimi Hendrix nesta semana, na qual a morte do ‘deus da guitarra’ completou 42 anos. Às vezes eu fico pensando o que esse cara estaria fazendo com a guitarra – que mais parecia a continuação do seu corpo – atualmente, considerando que explorou possibilidades até hoje inalcançáveis. No entanto, não podemos esquecer os dois gênios que acompanharam Hendrix no lendário trio Experience: Noel Redding (baixo) e Mitch Mitchell (bateria). Por falar neles, nesta semana também foi celebrado o dia do baterista, não é mesmo Mitchell?