Em busca dos pets: livro reúne pôsteres de animais desaparecidos

A sensibilidade existente no olhar de um artista, que capta possibilidades de criação em ambientes rotineiros, é o combustível que alimenta a arte conceitual desde os tempos de Marcel Duchamp (1887-1968), passando pela pop art e também pelas performances de nomes contemporâneos como o coletivo Serviços Gerais. O canadense Ian Phillips, no início dos anos 2000, percebeu certa poesia nos cartazes (desesperados) colados em paredes e postes, por pessoas que tentavam encontrar seus animais perdidos. O resultado foi a publicação do livro Lost, que acaba de ganhar edição comemorativa de quinze anos editada pela Princeton Architectural Press.

“Eles são como cartas de amor”, disse Phillips ao jornal britânico Guardian, provavelmente analisando a densa carga emocional que a perda dos pets desperta nos respectivos donos, cujo conteúdo é expresso claramente nos pôsteres. E os apelos são muitos: recompensas robustas, mensagens aos supostos sequestradores anunciando a tristeza de crianças e descrições físicas e comportamentais dos animais perdidos, todas em prol de um desfecho feliz, no qual o animal seja encontrado.

Curiosamente, Ian Phillips também identificou cartazes que anunciam o desejo de receber o animal “vivo ou morto”, o que indica que muitos dos donos que elaboram esse tipo de material querem apenas saber o que ocorreu, seja a notícia boa ou ruim. Afinal de contas, o pet é parte da família, é companhia com a qual estamos acostumados.

Entre crônicas rotineiras tristes e felizes (pois em muitos casos os animais são encontrados), Phillips joga luz sobre um tema que está constantemente próximo de nós, mas que mesmo assim somos incapazes de percebê-lo (pelo menos até o lançamento do livro). E uma das mais belas funções da arte é justamente essa mudança de olhar, é poder enxergar poesias e afetividades no cinza da cidade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s