Quando o anti-herói encara a morte

 

(Foto: Carolina Vianna/Folhapress)

 

Questionamentos existenciais surgem quando o paciente Estevão descobre que está com os dias contados. Seu jeitão cético de encarar o mundo e as relações com a sociedade, algo semelhante aos incríveis personagens de filmes como American Splendor (2003) e As Invasões Bárbaras (2003), o acompanha ao longo de uma jornada dolorosa, que visa esmiuçar lembranças, em busca da cura.  

Estevão não quer morrer. Para evitar tal tragédia, entretanto, vale tudo, até encarar a terapia maléfica do médico Adolfo Henrique – cujas iniciais lembram certo ditador nazista. Baseado no romance do escritor norte-americano Sam Lipsyte, o espetáculo O Livro de Itens do Paciente Estevão, em cartaz no Sesc Belezinho, é capaz de gerar reflexões sobre memórias e a difícil missão de encarar a morte. Tudo muito bem temperado com doses de humor negro, durante as cinco horas de peça.

Com direção de Felipe Hirsch, cenografia de Daniela Thomas e iluminação Beto Bruel, O Livro de Itens do Paciente Estevão reúne 9 cadernos com itens escritos pelo protagonista, dividido em duas partes: “Os Princípios” e “Os Domínios”. Tudo isso, claro, sem contar a já tradicional habilidade de lidar com temas complexos da Sutil Companhia de Teatro.

 

Serviço:

O Livro de Itens do Paciente Estevão

SESC Belenzinho

Até 21/10.

Duração: 5 horas com intervalo de 20 minutos.

Sextas e Sábados, às 18h. Domingos e Feriados, às 17h.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s