Colagem pré-Photoshop

A colagem "Assumpta de Carvalho Rosa", elaborada por Tide Hellmeister

 

A técnica de elaborar colagens ganhou expressão no cubismo, vertente das artes plásticas que incorporou figuras geométricas, abstrações e montagens e que passou a estabelecer um novo conceito de reflexão. Esse gênero talvez ocupe um espaço entre a escultura e a pintura e pode ser percebido no legado de nomes como Pablo Picasso (1881 – 1973) e Georges Braque (1882 – 1963).

No Brasil, um dos mestres na área da colagem é o paulistano Tide Hellmeister (1942 – 2008), que prestou serviços memoráveis ao jornalismo. À época, a ferramenta Photoshop – hoje muito utilizada na criação de colagens – não existia e foi usando a tesoura que o artista assinou mais de 1.500 ilustrações na coluna do jornalista e escritor Paulo Francis (1930 – 1997), entre 1990 e 1997, nos jornais O Estado de S. Paulo e O Globo.

Parte do trabalho de Hellmeister pode ser conferido na exposição Homenagem a Tide Hellmeister, que começa na próxima sexta-feira (16), na Panamericana Escola de Arte e Design, em São Paulo. A mostra reúne 170 trabalhos assinados pelo artista, entre eles gravuras e maquetes.

 

Homenagem a Tide Hellmeister

Até 26 de março.

Rua Groenlândia, 77, Jardim Europa, São Paulo

De segunda a sexta-feira, das 10h às 21h, e aos sábados das 9h às 12h (fechado aos domingos).

Grátis.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s